Data de lançamento e detalhes: DLC "Sign of the Times" leva Mafia III a um lugar sombrio

O que restou do Sammy está cheio de corpos, o resultado de um sacrifício ritualístico que deu errado. Cabe a Lincoln Clay, Padre James – e a você – desvendar as pistas e libertar uma mulher das garras e um culto sanguinário. "Sign of the Times" é uma viagem sombria ao submundo permeado de drogas de New Bordeaux. O que esperar de "Sign of the Times" quando ele chegar em 25 de julho? Continue lendo para saber tudo sobre a terceira parte do conteúdo do Passe de Temporada de Mafia III.

"Faster, Baby!" fez você acelerar por Sinclair Parish com perseguições em alta velocidade e manobras perigosas. "Stones Unturned" levou você em uma aventura explosiva com John Donovan. Agora, com um culto misterioso surgindo na cidade, "Sign of the Times" arrasta você para um jogo assustador de gato e rato que mais parece um thriller psicológico com inspirações na década de 60. Há alguns elementos novos na jogabilidade, além de equipamentos para se obter e carros para acrescentar à sua frota.

Nós falamos com Bill Harms e Ed Fowler, diretor de narrativa e escritor sênior do Hangar 13, e descobrimos mais sobre o que está por vir em "Sign of the Times".

 

A VERDADE É TÃO ESTRANHA QUANTO A FICÇÃO – Bill Harms, diretor de narrativa

A inspiração para "Sign of the Times" é bastante clara. O final da década de 60 foi uma época de inquietação social e civil – que cobrimos extensivamente no jogo –, mas também de experimentação alucinógena e cultos endoidecidos, a horrível Família Manson sendo o mais infame. Estávamos inspirados a contar uma história que representasse esse elemento do período, que levou aos Ensanglantés que você enfrenta em New Bordeaux.

Mas, até mesmo nós temos que admitir que é uma experiência bastante diferente da história de vingança de Lincoln contra a máfia italiana, derrubando oficiais corruptos em "Faster, Baby!" ou ajudando seu velho amigo de guerra em "Stones Unturned".

Vejo cada história dos DLCs como três jornadas diferentes para Lincoln e como ele está lidando com seu próprio luto e descobrindo como seguir a vida. No começo do jogo, temos o Lincoln que se sentia impotente em impedir a traição. Em "Sign of the Times", ele encontra alguém que precisa de ajuda – que não consegue juntar todas as peças do quebra-cabeça – e ele realmente pode fazer algo por ela.

Parte disso é ver-se naquela personagem – Anna – e o fato de ambos terem passado por experiências traumáticas. Não é uma busca por vingança ou redenção, mas Lincoln tenta encontrar um tipo de paz para ela que ele não consegue encontrar para si mesmo.

Definitivamente, essa parte da história de Lincoln é diferente. É mais interna, há momentos em que você o ouve falando com si mesmo enquanto busca pistas. Mais importante, ele não está no controle total da situação – e há momentos em que ele nem saberá o que é real e o que não é. Diferentemente da guerra de um homem só que Lincoln trava com os Marcanos, ele não tem nenhum conhecimento dos Ensanglantés e do que eles fazem. Ele tenta juntar as peças ao mesmo tempo que o jogador. 

 

NOVAS FORMAS DE JOGAR – Ed Fowler, escritor sênior

A partir da chegada do DLC "Sign of the Times", você notará um ritmo mais calmo. Há um mistério para resolver com Lincoln procurando objetos perdidos deixados para trás, escritas estranhas – você vai até examinar corpos atrás de pistas. Observando o ambiente e usando luz negra para encontrar evidências, você descobrirá a base de operação dos Ensanglantés e o que diabos planejam em New Bordeaux. Em momentos chaves do DLC, temos zonas de investigação onde você procurará pistas que revelam um pouco mais da verdade... E de uma hora para outra você terá que lidar com membros do culto em tiroteios intensos.

Há cultistas endoidecidos que vão provocar você e o atacarão do nada. Sem falar das facas de arremesso que você poderá lançar silenciosamente. À medida que você explora novos lugares dentro dos limites da cidade de New Bordeaux, também enfrentará psicopatas bem armados, que tentarão frear as suas buscas.

Falando em frear, "Sign of the Times" introduz tiroteios em câmera lenta. Ao ser ativado, você dispõe de mais alguns segundos para eliminar inimigos. No entanto, para aqueles que conseguirem usar a habilidade e acertar tiros na cabeça, o tempo da câmera lenta é estendido – então mire bem!

 

HÁ MAIS SINAIS ADIANTE

Detentores do Passe de Temporada: não se esqueçam que "Sign of the Times" faz parte do Passe de Temporada. Ainda temos mais a compartilhar sobre esse DLC no curto período antes de chegar nas lojas digitais em 25 de julho, então fiquem de olhos abertos para mais novidades sobre Mafia no seu Facebook, Twitter e canais do YouTube.

Please enter your date of birth

Sorry, but you are not able to view the content of this website.